Criando cachorros em apartamentos: Saiba como adaptar o espaço para seu pet!

Por: Notícias Pet

Criar um cachorro quando se vive em um apartamento pode parecer desafiador à primeira vista. 

Contudo, com algumas adaptações simples e cuidados específicos, é totalmente possível proporcionar uma vida saudável e feliz para seu amigo de quatro patas em um espaço reduzido. 

Antes de mais nada, é importante considerar o tamanho do seu apartamento ao decidir ter um cachorro. 

Espaços menores são mais adequados para raças pequenas, que requerem menos espaço para se movimentar e se exercitar. 

Por outro lado, apartamentos maiores podem acomodar raças de tamanho médio a grande, sempre considerando a necessidade de exercícios diários fora do lar.

O que o condomínio e o contrato imobiliário dizem sobre pets?

Conhecer as regras do seu condomínio e as cláusulas do seu contrato de aluguel é essencial antes de trazer um cachorro para casa. 

Enquanto a lei assegura o direito de ter pets, restrições quanto à circulação nas áreas comuns podem estar presentes e precisam ser respeitadas para evitar conflitos e multas.

SAIBA MAIS

Como escolher a raça ideal para um apartamento?

Raças como Shih-tzu e Pug, são mais adaptáveis a espaços menores e têm temperamentos mais calmos. 

No entanto, é vital realizar uma pesquisa detalhada sobre a raça que você está considerando, para verificar se ela se adapta ao seu estilo de vida e ao ambiente que você pode oferecer.

Além da escolha da raça, outro aspecto fundamental é a educação sanitária do seu pet. 

Em apartamentos, o uso de tapetes higiênicos treina o seu cachorro a fazer suas necessidades em um local apropriado, evitando sujeiras e odores desagradáveis, o que é um fator crucial quando se tem espaço limitado.

Cães que residem em apartamentos podem apresentar sinais de tédio ou ansiedade se não forem devidamente estimulados. 

Para tal, é importante integrar atividades diárias que incluam passeios e brincadeiras. Utilize brinquedos interativos como quebra-cabeças e brinquedos recheáveis que promovem exercício mental e físico.

Atenção e cuidados diários

Dedique tempo exclusivo para brincadeiras e carinhos, criando um ambiente de amor e segurança que ajuda na adaptação do pet ao ambiente do apartamento. Esses momentos de ligação são essenciais para o bem-estar emocional de seu cachorro.

Ter um cachorro em um apartamento requer compromisso e adaptação, mas seguindo estas dicas, você garantirá que seu amigo peludo seja tão feliz e saudável quanto seria em uma casa com quintal.

MAIS SOBRE CACHORROS